Câmara aprova 7 documentos na sessão e debate alterações no Plano Diretor

por Técnico de Comunicação Social publicado 01/12/2015 09h40, última modificação 04/03/2016 16h19
Câmara aprova 7 documentos na sessão e debate alterações no Plano Diretor

Presidente da Câmara, Claudinei Damalio, e Amélia Queiroz

 

A Câmara Municipal de São João da Boa Vista aprovou 7 documentos na sessão da noite desta segunda-feira (30/11). O Projeto de Lei do Executivo 117/2015, que trata da Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2016, entrou em primeira discussão e recebeu pedido de vista por uma semana, por Fernando Betti, para aguardar a realização da audiência pública relativa ao tema, agendada para 18h desta quarta-feira no Plenário do Legislativo. 

Foram aprovados em discussão única os Projetos de Resolução 015, 016 e 017/2015, que concedem um dia de licença do cargo de vereador, respectivamente, a Ademir Boaventura, José Cláudio Ferreira (Claudinho) e Odair Pirinoto. Também passou o Projeto de Decreto Legislativo 017/2015, de Reberson Menezes, concedendo a Medalha de Mérito Esportivo a Antônio Carlos Gabriche (Guinho). 

Em segunda discussão, aprovados os Projetos de Lei do Executivo 121 e 125/2015, além do Projeto de Lei do Legislativo 102/2015, do vereador Raimundo Rui (Rui Nova Onda), que já haviam sido examinados e votados. 

Plenário reunido durante a sessão Vereadora Elenice Vidolin

 

Plano Diretor

 A sessão teve a participação da chefe da Assessoria de Planejamento e Desenvolvimento da Prefeitura, Amélia Queiroz, que trouxe aos vereadores novas informações a respeito da atualização do Plano Diretor - São João 2050. Ela disponibilizou mais uma etapa do estudo, mostrando a necessidade de se definir, entre outros temas, a delimitação do perímetro urbano futuro, o que vai delinear o adensamento da cidade nas próximas décadas. 

A vereadora Elenice Vidolin pediu que o grupo do Plano Diretor mantenha esforços para viabilizar participação direta da população, definindo alguns temas principais que poderiam ser votados pelos moradores, com linguagem de fácil acesso. Ela sugeriu um “canal aberto” e prático com os temas, chegando de forma fácil à população. Amélia explicou que há canais diretos com o povo – site www.saojoao2050.com.br, página no Facebook, dois aplicativos de celular e 22 reuniões de bairros já feitas, sendo que a população pôde e ainda pode opinar. Elenice solicitou que alguns temas sejam focados semanalmente a partir de agora, estimulando o público. Reberson Menezes e Fernando Betti parabenizaram a equipe do Plano Diretor pelos canais que propiciam a participação popular.

 

Assessoria de Comunicação

Câmara Municipal

registrado em: